Coleção Misako de máscaras reutilizáveis Proteção FFP1 Estampadas.

Máscara reutilizáveis da MisakoMáscara reutilizáveis da Misako
Máscara Maskin Adult da MisakoMáscara Maskin Adult da Misako
MASKA máscara adult da MisakoMASKA máscara adult da Misako
MASKI máscara adult da MisakoMASKI máscara adult da Misako
MASKI máscara infantil da MisakoMASKI máscara infantil da Misako

Máscaras reutilizáveis de coronavirus fabricadas de acordo com a UNE 0065 para adultos e crianças

O tecido usado para fabricar estas máscaras reutilizáveis higiênicas FFP1 foi aprovado pela Associação de Pesquisa da Indústria Têxtil (AITEX); de acordo com a especificação UNE0065 sobre máscaras higiênicas reutilizáveis ​​para adultos e criança.

Principais características da máscara FFP1: Reutilizável e Hidrófugo.

As máscaras são de fabricação espanhola e o tecido em que são feitas é recomendado pelo Ministério da Indústria e Turismo. Dependendo do modelo, os principais materiais são: algodão, viscose, rayon e poliéster.

Misako é outro dos estabelecimentos onde pode comprar máscaras reutilizáveis, além de farmácias.

INSTRUÇÕES DE UTILIZAÇÃO de máscaras higiênicas reutilizáveis

Para que o uso da máscara FFP1 que adquirirá seja eficaz e evite aumentar o risco de transmissão de coronavírus, é essencial usar e desinfetar a máscara adequadamente.

Recomendações gerais para o uso e desinfecção da máscara reutilizável FFP1:

- Coloque a máscara com cuidado para que cubra a boca e o nariz e não haja lacunas no rosto.
- Não toque na máscara enquanto a estiver usando.
- Remova a máscara com a técnica correta (sem tocar na parte frontal).
- Após remover a máscara usada, lave as mãos com uma solução hidroalcoólica ou com água e sabão.
- Lave a máscara a 60 graus. Produtos que podem degradar ou danificar os materiais e que diminuem sua capacidade de proteção não devem ser usados.
- Recomenda-se que a máscara seja seca ao ar e dentro das 2 horas após a lavagem.
- Assim como, durante o tempo de secado e depois do armazenamento da máscara, deve evitar ambientes nos quais a máscara possa ser contaminada, novamente, como temperatura e umidade excessivas.
- - Após cada ciclo de lavagem, uma inspeção visual deve ser realizada. Em caso de que se detecte uma deterioração na máscara, (que tenha minguado, deformações, desgaste etc.), a máscara deve ser descartada.

Mais informação: Ministério da Indústria, Comércio e Turismo